fbpx

Ouvidos podem sofrer mudanças na gestação

ouvidos-gestacao

Ser mãe é o sonho de muitas mulheres. E com ele também vem muitos medos.

O corpo da mulher como um todo sofre mudanças e nenhum órgão escapa do potencial efeito das alterações hormonais e com os ouvidos não é diferente.

Alterações dos hormônios femininos podem mudar a bioquímica do ouvido ou das vias auditivas (caminho que o som faz do ouvido até o cérebro).

Algumas grávidas não sentem a audição tão diferente, mas passam a ouvir ruídos, como chiados.

Em geral, embora seja bom falar do sintoma com o médico que acompanha a gestação, ele não costuma ser motivo de grandes preocupações, quando acontece de maneira leve e pontual.

Zumbido intenso

O cenário muda se houver zumbido intenso, que cause irritação ou tonturas, predispondo a mulher a quedas.

Existe a possibilidade de esses zumbidos estarem associados à doença de Ménière, que se caracteriza pelo aumento da pressão nos líquidos dos ouvidos.

Isso acontece devido ao inchaço do corpo, que, aliás, também pode ocasionar a obstrução da tuba auditiva (que liga o ouvido ao nariz), levando à percepção de sons abafados em alguns períodos do dia.

Esse entupimento tende a regredir após o término da gravidez, mas é importante procurar um especialista, pois há o risco do surgimento de uma otite, que, além de trazer o incômodo da dor, demanda o uso de medicamentos.

O trio desarmonioso

Zumbido, perda auditiva e tontura também podem nascer em qualquer momento da gestação.

O trio desarmonioso pode aparecer por causa da anemia, típica do 2º trimestre, pela hipertensão na (pré-)eclampsia no terceiro trimestre ou pela ingestão frequente de doces para saciar aqueles desejos intermináveis.

Os sintomas também podem aparecer pela ativação de doenças hereditárias (como a otosclerose, doença que enrijece o osso estribo e bloqueia a passagem dos sons) ou pela surdez súbita (um apagão da circulação de sangue dentro do ouvido).

ruido-ouvido-gestacao

Ouvidos abertos

Estudos mostram que, no primeiro trimestre da gestação, há um aumento da velocidade de condução do estímulo elétrico do ouvido até o cérebro, o que tem como resultado uma melhora na acuidade auditiva.

Embora muita gente acredite que a audição da mulher melhore no pós-parto, não existe comprovação científica para essa constatação.

O mais provável é que as mães, preocupadas com o recém-nascido, fiquem superatentas a qualquer ruído.

Outras alterações que podem acontecer durante a gestação

Mudanças nos seios

Frequentemente, as alterações na mama são uma das primeiras mudanças que notamos quando estamos grávidas.

É normal que seus seios fiquem mais cheios e também bastante macios.

Também é normal que o mamilo e a auréola fiquem mais escuros.

Cabelos

Muitas mulheres acham que seus cabelos ficam mais grossos durante a gravidez.

Algumas também percebem que os fios ficam quebradiços e secos.

Isso ocorre porque, quando se está grávida, o estrogênio prolonga o ciclo de crescimento do cabelo – o cabelo permanece em sua fase de repouso por mais tempo e, portanto, permanece na sua cabeça além da “data de validade”.

Varizes

Muitas mulheres vêem surgir varizes durante a gravidez. Isso acontece porque os hormônios fazem com que as paredes de algumas veias relaxem e aumente o fluxo sanguíneo em todo o corpo, causando o inchaço.

gestante-cansada-ouvidos-ruidos

Cansaço

Fadiga ou sensação de sonolência avassaladora podem ocorrer a qualquer momento da gravidez.

No primeiro trimestre, o cansaço pode ser causado por alterações hormonais, bem como pelo desenvolvimento dos órgãos do bebê.

Essa fadiga geralmente desaparece durante o segundo trimestre, mas pode ocorrer novamente no terceiro.

Nesse último trimestre da gestação, o cansaço geralmente está relacionado ao seu bebê em crescimento.

Seu corpo também está metabolizando alimentos a um ritmo mais rápido, a fim de prepará-lo para o trabalho de parto e a amamentação.

Compartilhe conhecimento! S2

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Dra. Regina Soares

Idealizada pela CEO Dra. Regina Soares, a Clínica ReVitali, é uma empresa especializada em promover saúde e qualidade de vida, por uma equipe de profissionais experientes em diversas áreas, tornando-se um atendimento personalizado e de excelência aos seus pacientes.

Post Recentes
Categorias